MENU
Wallpappers
Humor
Icones
Hardware
Ouvi Dizer...
LINKS UTEIS
DICAS CURTAS

Identificar hardware no Linux

MPlayer: Ler imagem iso de um DVD

O comando shutdown : Desligue, programe, e faça muito mais ...!

Ktimer o temporizador do KDE e não só

Verificação da integridade de arquivos e imagens iso

Backup da MBR

Como instalar fontes Truetype no Linux «Ubuntu »

Agendar tarefas com CRON

COISAS... INTERESSANTES!

A Internet torna as pessoas inteligentes?

Nomes cientificos de alguns dos sistemas operacionais existentes

Fantastic Music

Blogs a mais conteudo a menos..

Ouvi dizer! ... que os numeros nasceram assim...

O sistema operativo Linux- Parte 3

O Sistema Operativo Linux - Parte III

Tipo: Manual/Dica
Por:  Rui Pedro      27-08-2010

 

Pagina 2 de 16

 

Nos artigos anteriores ( Parte I e II) ficamos a conhecer alguns dos principais intervenientes e mentores dos sistema Linux assim como a sua mística. Levo-vos agora numa viagem pelos tempos que procederam á criação do kernel linux por parte de Linus Torvalds.


    A importância da comunidade linux

    Linus Torvalds, quando desenvolveu o Linux, não tinha a intenção de ganhar dinheiro e sim fazer um sistema para seu uso pessoal, que atende-se suas necessidades, contudo ele necessitava de ajuda e liberou as sources do kernel a vários amigos que se predisposeram a ajudar. Ou seja o estilo de desenvolvimento que foi adoptado foi o de ajuda colectiva, ficando o próprio Linus a coordenar os esforços colectivos de um grupo para a melhoria do sistema que criou até hoje. A partir dessa data e até hoje, milhares de pessoas contribuem gratuitamente com o desenvolvimento do Linux, simplesmente pelo prazer de fazer um sistema operacional melhor.

    Com o kernel do Linux e os primeiros programas para ele sob a licença GPL e GNU, para que qualquer um possa usar os programas que estão sob ela, e com o compromisso de não tornar os programas fechados e comercializados, (ou seja, você pode alterar qualquer parte do Linux, modificá-lo e até comercializá-lo, mas você não pode fechá-lo (não permitir que outros usuários o modifiquem e vendam)) o linux começava a despertar muito interesse ( especialmente para os servidores) e não tardou que surgissem os primeiros empacotadores/distribuidores.

    O nascimento das " Distribuições " de Linux.

    Alem das potencialidade's do sistema, cedo se começou a desenhar aquela que iria ser uma das maiores riquezas do linux e a maior dor de cabeça para os utilizadores, a enorme variedade de distribuições linux.

    De entre as varias pessoas pertencentes á comunidade de desenvolvedores que contribuíam no código do linux e outras que seguiam de perto toda a acção viriam a nascer as primeiras distribuições linux. Apesar das primeiras distribuições linux aparecerem datadas de 1992, estou-me a lembrar por exemplo SLS, o MCC ou o Tamu, é em 1993 que nascem algumas daquelas que iriam ser as distribuições mais bem sucedidas até aos dias de hoje.

    O Projecto Slackware Linux.

    Criada em meados de 1993 por Patrick Volkerding e mantida pelo próprio. No começo, Patrick Volkerding mantinha a distribuição sozinho, contudo ao longo dos anos, acabou por aceitar a ajuda de alguns colaboradores (muito poucos por sinal) a fim de o ajudar no desenvolvimento da distribuição. É a mais velha de todas as distribuições no activo.

    A primeira versão do Slackware, a 1.0.0, foi lançada em 16 ou 17 de julho de 1993 e era baseada na distribuição SLS Linux (Softlanding Linux System nascida em 1992) e fornecida em forma de imagens para disquetes de 3½ polegadas, disponibilizadas em file transfer protocols (ftps) anónimos.

    Ao longo da história do Slackware, sempre houve distribuições e Live CDs baseados nele e são muitas as distribuições directamente derivadas dele, estou-me a lembrar por exemplo do GoblinX, SLAX, VectorLinux, Zenwalk, Kate OS, etc.

     

    O Projecto Debian

    O Projecto Debian foi oficialmente fundado por Ian Murdock em 16 de Agosto de 1993, na altura estudante universitário. Naquele tempo, o conceito de uma "distribuição" de Linux era novo. Ian pretendia que o Debian fosse uma distribuição criada abertamente, no mesmo espírito do Linux e do GNU. A criação do Debian teve o apoio do projecto GNU da FSF durante um ano (Novembro de 1994 a Novembro de 1995).

    A distribuição Debian pretendia ser cuidadosamente e conscientemente criada em conjunto e ser mantida e suportada com similar cuidado. Isso começou com um pequeno e forte grupo de hackers do Software Livre e gradualmente cresceu tornando-se numa grande e bem organizada comunidade de desenvolvedores e usuários.

    A Debian é a única distribuição que é aberta para que todo o desenvolvedor e usuário possa contribuir com o seu trabalho. É o único distribuidor significativo de Linux que não é uma entidade comercial. É o único grande projecto com uma constituição, um contrato social e documentos com políticas para organizar o projecto.

    Fundada sobre estes valores ela iria conseguir concentrar em si uma das maiores comunidades de desenvolvimento e usuários do mundo com especial referencia para as Universidades e educação.

    Também devido á sua abertura, qualidade e comunidade de suporte iria se tornar uma das distros preferidos como base de partida para outros projectos. Estou-me a lembrar por exemplo do Knoppix, Kurumin, e mais recentemente do tão badalado Ubuntu, assim como outros projectos ainda no activo, bem como outros já mortos.

     

    SUSE Linux distributions

    A Companhia S.u.S.E. foi fundada a 2 de September de 1992 em Nuremberg na Alemanha e começou por ser uma empresa de consultoria de UNIX, a qual, entre outras actividades, lançava pacotes de softwares que incluíam o SLS e o Slackware e editava manuais para UNIX/Linux. S.u.S.E é um acrónimo para a expressão alemã: "Software- und System-Entwicklung" ("desenvolvimento de software e de sistemas"). No começo a distribuição SUSE Linux foi originalmente uma tradução do Slackware Linux para o idioma alemão que por sua vês era baseada no Softlanding Linux System de Peter MacDonald.

    A primeira versão em CD do SLS/Slackware foi lançada em 1994, sob o nome S.u.S.E Linux 1.0. Posteriormente, foi integrada com a distribuição Jurix por Florian La Rouche, que lançou a distribuição unificada S.u.S.E Linux 4.2 em 1996, considerada, na verdade, como a primeira distribuição SuSE propriamente dita. Mais tarde, o SuSE Linux incorporou muitas características do Red Hat Linux, tais como os RPMs e o /etc/sysconfig. Numa mudança para atingir mais efectivamente o público corporativo, a SuSE anunciou o SUSE Linux Enterprise Server, em 2001. E, em consequência, trocou o nome da empresa para SUSE Linux em setembro de 2003, como parte de sua nova estratégia global, conforme anunciou seu vice-presidente de marketing, Uwe Schmid.

    Hoje pertença da Novell (após aquisição) tornou-se um produto de grande qualidade corporativo e pago. Ainda que o SuSE seja um produto pago a Novell no entanto desenvolve e cede á comunidade o seu desenvolvimento com o seu apoio a uma versão livre do SuSE sobre o nome de openSUSE donde tira benefícios para a sua versão paga.

    Red Hat Linux

    Em 1993, Bob Young incorporava a ACC Corporation, um conjunto de empresas que vendiam software e acessórios Linux e UNIX . Em 1994 Marc Ewing criou a sua própria distribuição Linux, que ele chamou de Red Hat Linux e faz o seu lançamento em Outubro de 1994, lançamento que ficaria conhecido como o lançamento das Bruxas ( por causa da altura naquele local ser a época do hallowen. A firma de Bob Young em 1995 compra o trabalho de Ewing e junta-se com ele para formar a Red Hat Software com Bob Young a servir como CEO. A Red Hat Software fãs o seu 1º lançamento publico em 11 de Agosto de 1999.

    O Red Hat Linux viria a tornar-se naquilo que ele é hoje, uma distros de grandes corporações, um produto pago de altíssima qualidade. Em 2004 a Red Hat torna o Red hat Linux um produto pago enquanto lança o projecto Fedora uma distro open source com base no seu Red Hat Linux.

     

     

     

     

     

     


 

 

ULTIMAS DICAS

Pesquisa no linux com Recooll

Configurar IP fixo no Ubuntu

MySQL - Alterar senha de root no Ubuntu

Crontab rápido e fácil.

K3b: O plugin Mp3 Audio Decoder não foi encontrado

Acedendo a Partições linux a partir do Windows


ULTIMOS ARTIGOS

Escolher uma distro pode ser mais difícil do que se pensa!

Aos que estão a começar...

Particionamento de Discos


MANUAIS

Super manual de comandos linux

Debian: O Sistema Operacional Universal

Aspectos Gerais sobre Linux

Windows no Linux: VirtualBox, VMware e Wine

Manual sobre as portas mais comuns do PC

Manual Instalação Centos 5

Manual Instalação Centos 5.2 e Red Hat 5.2

Ubuntu Guia do Iniciante

Fedora Installation and Quick Star

Manual Virtual Box

Manual do Samba

urpmi Mini Howto

Servidor Web Apache

Servidor de ftp VSFTP

Backups com RSync

Tutorial phpMyAdmin

NX Server System Administrator's Guide

NVU User Guide

ClamAV User Manual

Manual completo HTML

Linux Dicas e Truques