MENU
Wallpappers
Humor
Icones
Hardware
Ouvi Dizer...
LINKS UTEIS
DICAS CURTAS

Identificar hardware no Linux

MPlayer: Ler imagem iso de um DVD

O comando shutdown : Desligue, programe, e faça muito mais ...!

Ktimer o temporizador do KDE e não só

Verificação da integridade de arquivos e imagens iso

Backup da MBR

Como instalar fontes Truetype no Linux «Ubuntu »

Agendar tarefas com CRON

COISAS... INTERESSANTES!

A Internet torna as pessoas inteligentes?

Nomes cientificos de alguns dos sistemas operacionais existentes

Fantastic Music

Blogs a mais conteudo a menos..

Ouvi dizer! ... que os numeros nasceram assim...

O Sistema Operativo Linux - Parte VI

O sistema operativo linux - part. VI - As Distros II


 Pagina 11 de 16

 


    SUSE - O Linux da Novell

     

    A história do SuSE é um pouco complicada. O nome "S.u.S.E" é um acrónimo Alemão para "Software und System-Entwicklung"que quer dizer "Desenvolvimento de Software e Sistemas" e trata-se (neste momento já que nem sempre foi assim) de uma distribuição linux Enterprise comercial da empresa Novell. As primeiras versões foram baseadas no SLS, uma das primeiras distribuições Linux que se têm notícia. Em 1995 os scripts e ferramentas foram migrados para o Jurix, que por sua vez era baseado no Slackware. A partir da versão 5.0, lançada em 1998, o SuSE passou a utilizar pacotes RPM, o formato da Red Hat e passou a incorporar características e ferramentas derivadas dele. Todas estas ferramentas foram integradas no Yast, um painel de controle central que facilita bastante a administração do sistema. Se quizer saber um pouco mais da historia da distro pode fazê-lo neste artigo: http://linux.meuhobby.com/index.php?pag=artigos/Historico-Distros/historial-Suse.html

    No dia 3 de Novembro de 2006 (e renovado em 25 Julho 2011), a Novell assina um acordo com a Microsoft que tem em vista a interoperabilidade do SUSE linux com o Microsoft Windows, dentro desse acordo existem algumas patentes licenciadas o que gera muita controvérsia sendo bastante contestado pela Free Software community. Penso que foi a primeira aproximação que existiu em toda a história entre o linux e o windows já que até aí andaram sempre de costas voltadas um para o outro.

    Controverso ao não, o acordo fez-se e a Novell viria a tirar bastantes dividendos dele, incluindo na sua versão Enterprise algumas soluções bastante especificas na sua distribuição que outras não têm.

    No entanto e apesar disso tudo a versão open do SUSE beneficia bastante da ligação com a casa mãe e contem uma serie de ferramentas invulgar pela sua qualidade não presentes em muitas distros.

    Com um polimento invulgar nos seus ambientes de trabalho, o SUSE e openSUSE beneficiam também da muita intimidade existente com o projecto KDE já que tem desenvolvedores seus que contribuem para os dois projectos resultando daí desktops da KDE sempre muito actuais e muito bem integrados na distro. Lembro por exemplo que desta distro saíram algumas das melhores ideias para os ambientes gráficos como por exemplo o projecto pioneiro do compiz que deixou toda a gente entusiasmada.

    Devido a todas estas mudanças, o SuSE é difícil de catalogar, mas actualmente o sistema possui muito mais semelhanças com o Red hat, Fedora ao Mandriva do que com o Slackware, por isso é mais acertado colocá-lo dentro da família Novell.

    Em 2003, a SuSE foi adquirida pela Novell, e dá origem ao SUSE Linux Enterprise Server (versão comercial do SUSE) e ao OpenSuSE, um projecto comunitário, que usa uma estrutura organizacional inspirada no exemplo do Fedora.

    A partir daqui o SUSE para a ser distribuído com dois objectivos, o comercial onde figuram as grandes corporações de empresas e os servidores utilizando para isso o SUSE Linux Enterprise Server, deixando o segundo objectivo ao mais propriamente o comunitário a cargo da comunidade através do projecto openSUSE.

    O openSUSE torna-se assim um laboratório de testes da Novell que através desta forma beneficia do desenvolvimento do openSUSE por parte da comunidade ao mesmo tempo que reduz bastante os custos com o desenvolvimento do seu SUSE Linux.

    Esta versão do SUSE (a open) nas mãos da comunidade torna-se uma das melhores versões de linux para Desktop e Workstations que existe servida por algumas das melhores ferramentas de configuração de sempre no linux, aliada a uma forte fiabilidade e estabilidade do sistema, enquanto no âmbito comercial o SUSE Linux Enterprise Server ombreia com as melhores distros da actualidade como o Red Hat por exemplo, fazendo uma das melhores empresas do género ao lado da grande Red Hat, IBM ao Microsoft por exemplo.

    Apesar de ser uma distro bastante antigo era de pensar que teria muitas outras derivadas dela, no entanto, talvez derivado do facto de ter durante todo o tempo uma forte índole empresarial isso tenha afastado possíveis interessados, apesar de tudo houve ainda assim algumas distros derivadas como durante algum tempo o Caixa Magica ao o SLES.

    Para quem quiser dar uma vista de olhos aqui ficam alguns links e manuais:

    http://doc.opensuse.org/documentation/html/openSUSE/opensuse-startup/

    book.opensuse.startup_en.pdf

    http://doc.opensuse.org/

     

     

    Até a próxima.

     

    Próxima parte: O Mandrake/Mandriva

 

 

ULTIMAS DICAS

Pesquisa no linux com Recooll

Configurar IP fixo no Ubuntu

MySQL - Alterar senha de root no Ubuntu

Crontab rápido e fácil.

K3b: O plugin Mp3 Audio Decoder não foi encontrado

Acedendo a Partições linux a partir do Windows


ULTIMOS ARTIGOS

Escolher uma distro pode ser mais difícil do que se pensa!

Aos que estão a começar...

Particionamento de Discos


MANUAIS

Super manual de comandos linux

Debian: O Sistema Operacional Universal

Aspectos Gerais sobre Linux

Windows no Linux: VirtualBox, VMware e Wine

Manual sobre as portas mais comuns do PC

Manual Instalação Centos 5

Manual Instalação Centos 5.2 e Red Hat 5.2

Ubuntu Guia do Iniciante

Fedora Installation and Quick Star

Manual Virtual Box

Manual do Samba

urpmi Mini Howto

Servidor Web Apache

Servidor de ftp VSFTP

Backups com RSync

Tutorial phpMyAdmin

NX Server System Administrator's Guide

NVU User Guide

ClamAV User Manual

Manual completo HTML

Linux Dicas e Truques