MENU
Wallpappers
Humor
Icones
Hardware
Ouvi Dizer...
LINKS UTEIS
DICAS CURTAS

Identificar hardware no Linux

MPlayer: Ler imagem iso de um DVD

O comando shutdown : Desligue, programe, e faça muito mais ...!

Ktimer o temporizador do KDE e não só

Verificação da integridade de arquivos e imagens iso

Backup da MBR

Como instalar fontes Truetype no Linux «Ubuntu »

Agendar tarefas com CRON

COISAS... INTERESSANTES!

A Internet torna as pessoas inteligentes?

Nomes cientificos de alguns dos sistemas operacionais existentes

Fantastic Music

Blogs a mais conteudo a menos..

Ouvi dizer! ... que os numeros nasceram assim...

O Sistema Operativo Linux - Parte VIII

O sistema operativo linux - part. VIII - Um mundo novo para os sistemas operativos.

Tipo: Análise
Por:  Rui Pedro      28/03/2012

 Pagina 14 de 14

 

Esta é a ultima parte referente a este tema (O sistema operativo linux), comecei no primeiro artigo por levar até vós alguns aspectos fundamentais do linux e um filme sobre a Revolução operada nos Sistemas Operativos, conhecemos e ouvimos com alguns dos principais intervenientes do meio linux, conversamos sobre a história de algumas das distros que mais contribuíram para que o linux fosse possível com a sua expansão, levei-vos numa viagem ao mundo da consola " a fera do linux", igualmente fiz com vós uma viagem de introspecção pelas seis principais distros, ao antes sete com o Ubuntu. Muito foi falado e muito ficou por dizer, nesta ultima parte irei falar nos temas mais recentes e um resumo final para acabar.

     

    Um mundo novo para os sistemas operativos.

     

    Desde o 1º artigo publicado em 23-08-2010 até agora mediaram quase dois anos, muita coisa mudou desde então no mundo linux, à altura já se previa que mudá-se mas poucos imaginavam o quanto.

    Seja por causa da crise seja por outro motivo qualquer existe um outro pensamento na informática, isto apesar de alguns dos intervenientes monopolistas continuarem no mercado como a Microsoft, Intel, Aplle e companhia.

    O mundo informático como pertencente ao mundo das tecnologias, sempre sofreu de um desenvolvimento acelerado o que ao longo do breve tempo que as tecnologias de informação têm (cerca de 20 anos) tem tornado obsoletas muitas tecnologias com uma velocidade incrível. Veja-se o caso dos Blue-Ray que ainda nem sequer se pode dizer que entrou já existe muito quem diga que já está de saída.

    No entanto isto nem sempre foi verdade, e a Microsoft e o seu Windows têm dominado de uma forma monopolista os nossos computadores desde a era dos Windows 95 sem que ninguém se atreve-se a colocar este monopólio em causa.

    Esse monopólio continua e vai continuar por mais um tempo mas no entanto ele perdeu poder, perdeu expressão e de tal forma perdeu expressão que hoje em muitas áreas não mais é necessário ter Windows. Ninguém mais quer saber do Windows, as pessoas hoje querem saber é das suas aplicações independentemente de correrem sobre Windows ao outra plataforma qualquer. Desde que disponham das suas aplicações preferidas a plataforma pouco importa.

    Durante muitos anos empresas como a Microsoft e a Intel conseguiram manter todo o mercado subserviente aos seus interesses monopolistas, quer através de acções legais como ilegais. Se durante muitas anos empresas ouve que se tornaram condescendentes com isto outras ouve que não e seguiram outros rumos, veja-se a Apple, a Google, AMD, Nvidia entre outras. Como é natural nos monopólios, as empresas monopolista pouco fazem ao nada fazem "quando não desfazem mesmo" como aconteceu com a Microsoft para conservar os seus monopólios. Estas empresas, no entanto como sempre aconteceu, acabam por adormecer à sombra da bananeira e por norma com o decorrer dos anos acabam sendo ultrapassadas, isso aconteceu com a Microsoft e está a acontecer com a Intel, apesar da Intel não ter os mesmos efeitos monopolista do que a microsoft já que não se pode descuidar muito com a AMD.

    Enquanto dormia a Microsoft, na sombra, a Google e a Apple trabalhava e sem que a Microsoft se apercebe-se já tinha sido ultrapassada, quando abriu os olhos já a Google e a Apple tinham ganhado bom avanço. Dizer que a Microsoft neste momento está morta é querer tapar o sol com uma peneira, a Microsoft tem muito dinheiro, não vai cair, vai antes sim ter de fazer pela vida como está a fazer, mas os monopólios acabaram-se, até porque as outras empresas, aquelas que tinham sido subjugadas pela Microsoft "não estão nem aí" elas não querem saber da Microsoft para nada, elas não estão mais dependentes da microsoft nem precisam dela para nada.

    Por força das empresas do mercado do hardware e empresas como a Aplle e Google e as empresas das comunicações moveis o windows perdeu a expressão. Não só aquelas empresas não quiseram o windows como o próprio windows não servia para eles o que era mais grave por força do peso de elefante que são os novos windows.

    Com o aparecimento da tecnologia 3G, 3.5G e agora 4G e a difusão generalizada do Wireless assistiu-se ao lançamento de plataformas moveis que apesar de serem de baixo desempenho, também não é necessário mais para cumprir o objectivo a que se propõem que é navegar e comunicar na internet e escrever algum texto. Isto fez com que as empresas que lançaram estes dispositivos ao plataformas não necessitassem dos serviços da monopolista Intel por não necessitarem do tecnologia do ultimo processador e seu poder de processamento, enquanto ao mesmo tempo também não necessitavam da Microsoft já que também o seu windows não servia dado o peso de um e a idade do outro.

    Quem viu bem o filme todo foi a Aplle pela mão de Steve Jobs que viu ali um buraco e não teve qualquer duvida em explora-lo lançando o iPhone e mais tarde o iPad, movimento que logo a Google acompanhou para dar demanda á procura de sistemas operativos leves o suficiente para trabalhar nestas plataformas, lançando o Android.

    Isto tudo enquanto a Intel se entretinha a tentar enfiar uns netbooks de má qualidade pelas goelas abaixo dos seus clientes.

    Como é sabido o pessoal não foi nessa, a Apple tornou-se aquilo que todos sabem, a Google a mesma coisa, uma serie de empresas "secundárias no mundo dos processadores de alto desempenho" não é bem o termo, fabricam os processadores ARM para estas plataformas, como a Nvidia por exemplo que nunca tinha feito processadores que não fossem gráficos e mais ninguém quase quer saber nem de Intel nem Microsoft, empresas que quase ninguém já fala. A Intel essa continua a fazer aquilo que sabe fazer melhor, processadores de alto desempenho, mas pode-se afirmar que está praticamente fora da mobilidade não fossem os laptop's, ela continua entretida a tentar arranjar uma forma de conseguir introduzir os seus Atom's nos tablets e smartphone's, mas, a coisa não está fácil e enquanto isso a concorrência anda para a frente.

    A Microsoft não pára de fazer acordos (tem muito dinheiro não esqueçam) e procura através de parcerias recuperar o tempo perdido a todo o custo, ao seja vai atrás, desta vês com a Nokia a ver se consegue fazer alguma coisa de jeito para os smartphone's e recuperar um lugar que já foi seu, mas(...) pelos vistos a coisa está complicada e resta saber se a Nokia não deu um tiro no próprio pé com este acordo.

    É desta forma que está o mundo hoje para os Sistemas Operativos.

    O reconhecimento do linux.

    É também neste mundo competitivo de hoje que o linux está a ter o reconhecimento merecido e a sua gloria. O êxito da Google e todos os seus softwares está no opensource e no linux, nos seus servidores o sangue que la corre é linux, no coração do ChromeOS corre linux, igualmente isso acontece no coração do Android considerado por toda a gente o melhor sistema operativo para embarcados, deixando para traz Windows CE, Windows Phone 7, Simbian, iOS e mais os outros.

    A maioria dos servidores de todo o mundo correm linux, pelas mão da Red Hat, IBM, Novell, Centos, Slackware, Ubuntu Server entre outros linux's, com a integração em nuvem "Cloud Computing " dos servidores que se avizinha, é o adeus ao desktop como o conhecemos, é o adeus ao reinado windows e pelo que se vê na actualidade o linux enquanto plataforma aberta e multiplataforma puderá destronar o rei nos próximos tempos.

    Se isso acontecer será o renascimento do linux e puderá ser até mesmo o fim do windows como o conhecemos, lembro que o novo windows 8 já é uma revolução no ambiente de trabalho e quando entrar é o fim do windows como o conhecemos.

    A partir desse dia todos ficaram em pé de igualdade, se é esta ao aquela plataforma ao este ao aquele sistema operativo quem irá mandar seram as aplicações, ninguém mais quer saber de sistemas operativos, se o sistema operativo é deste ao daquele, o que vai interessar é se se gosta desta aplicação ao não, até porque uma vês na nuvem a aplicação vai ser multiplataforma não interessando se é linux, Windows ao Mac.

    Mas não se iludam, porque nos desktops e workstations que por aqui ainda vão andar mais uns tempos o rei vai continuar a ser o Windows, não há hipótese! Não existe outra saída já que a maioria das aplicações profissionais continuaram a ser feitas para windows salvo rara excepção.

    E prontos! Chegamos ao fim, espero que tenham gostado do tema.

    Até a próxima.

    Nota: Todo as opiniões e pensamentos reflectidos durante estes artigos são apenas os meus pensamentos e as minhas opiniões e são por isso discutíveis e podem ser colocadas em causa por qualquer interveniente. Elas são meramente a minha opinião e representam a leitura dos acontecimentos feita por mim pelo que muita informação pode ter ficado de fora. Desta forma qualquer pessoa mais sabedora pode sempre que queira enviar-me um email para o meu contacto a rectificar qualquer informação mal prestada ao adicionar informação à existente. Peço pois a minhas desculpas se em alguma altura fui incorrecto na informação.

    Obrigado.

     

    FIM

 

 

ULTIMAS DICAS

Pesquisa no linux com Recooll

Configurar IP fixo no Ubuntu

MySQL - Alterar senha de root no Ubuntu

Crontab rápido e fácil.

K3b: O plugin Mp3 Audio Decoder não foi encontrado

Acedendo a Partições linux a partir do Windows


ULTIMOS ARTIGOS

Escolher uma distro pode ser mais difícil do que se pensa!

Aos que estão a começar...

Particionamento de Discos


MANUAIS

Super manual de comandos linux

Debian: O Sistema Operacional Universal

Aspectos Gerais sobre Linux

Windows no Linux: VirtualBox, VMware e Wine

Manual sobre as portas mais comuns do PC

Manual Instalação Centos 5

Manual Instalação Centos 5.2 e Red Hat 5.2

Ubuntu Guia do Iniciante

Fedora Installation and Quick Star

Manual Virtual Box

Manual do Samba

urpmi Mini Howto

Servidor Web Apache

Servidor de ftp VSFTP

Backups com RSync

Tutorial phpMyAdmin

NX Server System Administrator's Guide

NVU User Guide

ClamAV User Manual

Manual completo HTML

Linux Dicas e Truques