MENU
Wallpappers
Humor
Icones
Hardware
Ouvi Dizer...
LINKS UTEIS
DICAS CURTAS

Identificar hardware no Linux

MPlayer: Ler imagem iso de um DVD

O comando shutdown : Desligue, programe, e faça muito mais ...!

Ktimer o temporizador do KDE e não só

Verificação da integridade de arquivos e imagens iso

Backup da MBR

Como instalar fontes Truetype no Linux «Ubuntu »

Agendar tarefas com CRON

COISAS... INTERESSANTES!

A Internet torna as pessoas inteligentes?

Nomes cientificos de alguns dos sistemas operacionais existentes

Fantastic Music

Blogs a mais conteudo a menos..

Ouvi dizer! ... que os numeros nasceram assim...

Escolher uma distro pode ser mais difícil do que se pensa!

Escolher uma distro pode ser mais difícil do que se pensa!

Tipo: Artigo - Opinião - Dica
Por:  Rui Pedro      29/02/2012

 Pagina 1 de 3

 

Sou um utilizador Mandriva desde tempos áureos, companheiros de longa data, mais propriamente desde a versão 8.1 (ainda se chamava Mandrake), na minha Workstation passaram precisamente 10 releases dessa maravilhosa distro. É com muita tristeza que vejo aquela que já chegou a ser considerada a melhor distro linux para desktops encontrar-se pelas ruas da amargura, mendigando uma oportunidade de sobrevivência.

A indefinição sobre o futuro da Mandriva levantou-me o problema de ter de escolher uma distro para sua substituição e acreditem pode ser bem mais difícil do que pensam. A oferta é muita, as distros de topo todas elas apresentam muita qualidade...


A dor de cabeça!

A oferta é muita, nas distros de topo todas elas apresentam muita qualidade, a concorrência é feroz entre elas o que torna a escolha bastante difícil. Apesar desta fartura positiva, há no entanto algo que as diferencia pela negativa e que nos surpreende de uma forma estranha e esquisita, esta situação acontece por não sabermos com exactidão, catalogar o valor real das distros.

Eu explico melhor, o mercado das distros linux de topo foi assolado por uma série de "vamos lá chamar-lhe de bugs" nas suas mais diversas formas que está a baralhar toda a comunidade. Estes bugs por serem de uma espécie nova não estão a ser bem digeridos pela comunidade e desenvolvedores ainda não se sabendo bem como irão ser eliminados.

Como utilizador linux, gosto das coisas feitas de forma simples e intuitiva sobre ambiente gráfico, apesar de saber utilizar a consola não é aí que gosto de fazer as coisas. O Mandrake, mais tarde Mandriva sempre foi o expoente máximo nessa forma de estar. Apesar de possuir servidores na minha workstation algo que a Mandrake/Mandriva sempre esteve uns furos muito abaixo de outras distros nesse domínio, isso nunca me levantou muitos problemas e sempre solucionei o problema da melhor forma já que para mim o problema dos servidores no Mandriva foi sempre a sua forma horrenda de configurar.

Sempre com este pensamento em mente eu pensava ser fácil resolver o problema, alias nem seria sequer problema já que existem hoje no mercado outras distros que competem palmo a palmo com a Mandriva nesse domínio.

Pois é! Isso pensava eu!

Já havia usado o Suse 10 em 2006 e feito testes aos openSUSE versões 11, uso noutras maquinas Ubuntu Desktop e Server também. No PC da minha senhora tenho LinuxMint 11 com Gnome 2.6, experimentei à dois meses a ultima versão da fedora com Gnome 3, experimentei também o fork da Mandriva mais propriamente o Mageia 1, fiz duas tentativas de utilizar o LinuxMint 12 "tem Gnome 3 melhorado", dizia... duas tentativas falhadas, (não me entendo de forma nenhuma com o Gnome 3) acabando por fazer a troca pelo Mint 12 com KDE.

Parece impossível! Nenhuma me satisfazia plenamente, algumas ainda chocavam comigo. Não é possível, pensava eu, como é possível que isto aconteça?. Sem duvida tinha aqui um berbicacho (empecilho) em mãos para resolver.

Vejamos;

  1. O openSUSE 12.1 é uma release nova acabada de sair, é uma excelente distro, é a distro que está mais em linha com o Mandriva, é uma distro com participação directa no desenvolvimento do KDE pelo que é a distro que tem a melhor integração KDE e também sempre a mais recente versão do KDE. Tem também como o Mandriva um belo e exemplar Centro de Controlo com um lote único de ferramentas para quase tudo. Tem um conjunto de repositorios e comunidade em volta que garante tudo quanto é software para ele, ou seja é uma distro com tudo.

    Sim! Tem tudo! Por norma até uns quantos bugs de lançamento na distro, mais alguns repositorios que não respondem, ao não têm os pacotes todos, ao seja o "bug" dos repositorios do costume. Não trás de forma nativa uma ferramenta de deteção e instalação (como o Ubuntu) dos drivers da placa gráfica e nem mesmo os sites com o celebre método do " One click" resolvem o problema por vezes. Alem disso li dois review sobre ele nada abonatórios referindo-se aos bugs e repositorios numa alusão ao que por aí vem. No fundo nada que não seja costume no Suse, eles nunca atinam á primeira.

    Resumindo, por norma é uma distro para pessoas experientes nela e que dá muito trabalho até estar toda configurada. A partir daí terá o melhor que o linux lhe pode dar, uma distro dura e fiável e muito eficiente, "o melhor do melhor".

  2. O Ubuntu é também um velho conhecido, é a minha distro preferida nos servidores. Apesar de muito popular, simplista e eficiente, ela nunca conseguiu bater na minha opinião o Mandriva ao o openSUSE em comodidade de trabalho, e beleza. Muito eficiente e durona, padece à demasiados anos de algumas ferramentas presentes no Mandriva ao no openSUSE, somente à muito pouco tempo lhe foi adicionado um bom Centro de Controlo que no entanto ainda não é totalmente aproveitado.

    Esta distro foi no entanto assolada por um "bug monumental" ao antes dois faz pouco tempo. A interface Unity é claramente um "bug" nesta distro, eu não me entendo de forma nenhuma com aquela interface na minha workstation. Aquela interface é claramente para aquilo a que foi destinada, os netbooks! Em workstations é um atrofio monumental.

    Bem! Eu pensava que era só o Unity que era um atrofio até chocar com a novíssima versão Gnome 3. Outro atrofio! Este ainda, vamos lá "come-se!", com um bocado de habituação ainda vai, mas não deixa de ser um atrofio, pelo que está fora de questão utiliza-lo numa workstation.

    Resta-nos ainda o Kubuntu, mas aqui a minha opinião é velha, o Kubuntu não compete com ninguém, a Canonical não reserva a mesma atenção ao Kubuntu que reserva à sua versão Gnome e a distro perde francamente para Mandriva e openSUSE.

  3. O Linux Mint é a distro do momento, ela está a fazer tudo muito bem, mas mesmo tudo para ser a melhor! A distro conta na minha opinião com a melhor distro neste momento para iniciados ( contando com o Mandriva que ainda vai vivendo). A versão Gnome do LinuxMint 11 é na minha opinião a " The best of the moment" claramente. Ela tem tudo o que o Ubuntu tem, mas ela tem também muito mais do que aquilo que o Ubuntu tem.

    Beleza, operacionalidade, organização, eficiência, ferramentas, há! e um bom Centro de Controlo!.

    Excelente! Está no pc da minha senhora, mas eu quero KDE . Experimentei a versão 12 com Gnome 3, melhorada pela própria Mint que fez alguns milagres com ele, no entanto continuo a não atinar com o Gnome 3. Esta gente da Gnome, criticou tanto a KDE por causa da versão 4 no entanto está numa situação bem mais confusa que a KDE.

    Experimentei a versão do Mint 12 com KDE, apesar de muito superior ao Kubuntu, ela não atinge a qualidade do Mint 11 com Gnome 2.6 e ela perde demasiado para o openSUSE e Mandriva.

  4. O Fedora. Bem! O fedora foi mais uma vês, mais uma desilusão! Será que esta distro agora não acerta uma? Bugs, bugs e mais bugs, entretanto alguem ainda se lembra de alterar-lhe o nome para Fedorabug. Já faz tempo que não encontro uma versão do fedora digna desse nome. Que se passa com essa distro? Será que se tornou somente um banco de ensaios mais nada? Neste momento ao a distro instala corretamente e fica utilizável á primeira ao está condenada. Que desatino para instalar os drivers da placa de video.

  5. E para terminar temos o Mageia 1. Instalei e experimentei durante um tempo um dos forks do momento do Mandriva, e fiquei com muito boa impressão, esta distro parece augurar bons ventos para o futuro. Com muitos traços ainda do Mandriva ela no entanto é uma distro bem fresca e limpa, funciona limpinho ( algo que nem sempre o Mandrake/Mandriva fez bem). Nota-se já alguma separação da base Mandriva, mas sofre na "minha opinião", de falta de lustro, o KDE está limpinho tal e qual como vem de origem, até o walpapper é fraquinho. Não deixo no entanto de dar os parabéns a esta equipa que está a fazer um excelente trabalho.

    Resta-me dizer que estou de olho no novo Mageia 2 que aí vem, já ouvi dizer que está bem melhor.

Resumindo esta parte:

  • Uma openSUSE com os "bugs" do costume, mas que está lá!
  • Um Ubuntu com um bug monumental que ninguém sabe como vai ser resolvido!
  • Um Gnome 3 que não convence, seja no Ubuntu, seja no Mint, seja no Fedora!
  • Um Kubuntu que está condenado a distro de segunda!
  • Um Mint 11 fenomenal!
  • Um Mint 12 com Gnome 3 que não convence apesar dos esforços da Mint!
  • Um Mint 12 KDE que apesar de melhorado pela Mint não me convence!
  • Um fedora que não atina!
  • Um Mageia, ainda cru!

Lindo! E agora? Que dor de cabeça!

 

Continua

 

 

 

ULTIMAS DICAS

Pesquisa no linux com Recooll

Configurar IP fixo no Ubuntu

MySQL - Alterar senha de root no Ubuntu

Crontab rápido e fácil.

K3b: O plugin Mp3 Audio Decoder não foi encontrado

Acedendo a Partições linux a partir do Windows


ULTIMOS ARTIGOS

Escolher uma distro pode ser mais difícil do que se pensa!

Aos que estão a começar...

Particionamento de Discos


MANUAIS

Super manual de comandos linux

Debian: O Sistema Operacional Universal

Aspectos Gerais sobre Linux

Windows no Linux: VirtualBox, VMware e Wine

Manual sobre as portas mais comuns do PC

Manual Instalação Centos 5

Manual Instalação Centos 5.2 e Red Hat 5.2

Ubuntu Guia do Iniciante

Fedora Installation and Quick Star

Manual Virtual Box

Manual do Samba

urpmi Mini Howto

Servidor Web Apache

Servidor de ftp VSFTP

Backups com RSync

Tutorial phpMyAdmin

NX Server System Administrator's Guide

NVU User Guide

ClamAV User Manual

Manual completo HTML

Linux Dicas e Truques